*TRAGÉDIA NA ESCOLA RAUL BRASIL EM SUZANO/SP QUE VITIMOU DEZ PESSOAS SERÁ ALVO DE ESCLARECIMENTO E ABORDAGEM.*

A Polícia Federal começará amanhã 1º/04/2019 as atividades referentes ao ciclo de palestras. Tais atividades são desenvolvidas ao longo de todo o ano pela Polícia Federal e *somente o ano passado 310 (trezentas e dez) escolas públicas e privadas, faculdades, clubes, associações, empresas e igrejas foram alcançados com tais orientações.* A solicitação das palestras é feita através do fone (81) 2137.4076 no horário compreendido das 8h até as 14h. *AS PALESTRAS SÃO GRATUITAS E SÃO DISTRIBUÍDAS CARTILHAS INFORMATIVAS PARA MELHOR COMPREENSÃO DE TODOS!*

*Amanhã a palestra irá acontecer na Câmara de Vereadores do Cabo de Santo Agostinho que fica localizada na Rua Tenente Manoel Barbosa da Silva, 131 – Centro-Cabo/PE e foi solicitada pela Escola Conviver a fim de tais instruções sejam repassadas para alunos, pais e professores com um público estimado em cerca de 250 pessoas e está prevista para começas às 10h.*

Este ano também estará também sendo abordado mecanismos de segurança na criação de uma rede de proteção envolvendo pais, alunos e professores a fim de que a tragédia que aconteceu na Escola Professor Raul Brasil em Suzano/SP no dia 13/03/2019 onde vitimou 10 (dez) pessoas e deixou 11 (onze) feridas possam ser combatidos e evitados.

AS ABORDAGENS PASSAM POR:
*1-Estruturação Familiar;*
*2-Saúde Mental dos Filhos;*
*3-Segurança nas Escolas.*
*4-Ação dos Conselhos Tutelares*

Os jovens que usam a internet e fazem algum tipo de publicação visando provocar a morte de pessoas em escolas estão cometendo ato infracional referente ao crime de APOLOGIA DE CRIME OU FATO CRIMINOSO (Artigo 287 do Código Penal) e AMEAÇA (Artigo 147 do Código Penal) cujas penas podem chegar a 2 anos de detenção. Em sendo confirmado o ato infracional o adolescente é apreendido e submetido a exame psicológico podendo cumprir internamento em instituição para menores infratores e dependendo das circunstância os pais, por serem seus representantes legais, também podem ser processados.

Tendo em vista a destinação constitucional e o compromisso assumido pela Polícia Federal no sentido de prevenir e reprimir a exploração sexual de crianças e adolescentes e a pornografia infantil na internet, delito nefasto que afeta de forma grave a dignidade da pessoa humana, entende-se que todos os esforços devem ser feitos para que toda a sociedade possa também contribuir para serem, mais do que meros partícipes, verdadeiros protagonistas nesta luta que é de todos.