Bacharela em Direito, Marília de Mendonça foi a primeira formanda no Estado a receber o diploma em braile, entregue pela Universidade Católica de Pernambuco (Unicap). E nessa quinta-feira (14), ela ganhou seu primeiro emprego, a convite do prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira. Marília assume a Coordenação do Segmento da Pessoa com Deficiência da Secretaria Executiva de Direitos Humanos. Sua nomeação faz parte do processo de inclusão profissional da atual gestão.

Ao fazer o convite, o prefeito Anderson Ferreira disse que Marília de Mendonça é um exemplo de perseverança. “Marília já venceu vários obstáculos, provando toda sua capacidade. E agora, chega para dar uma grande contribuição a nossa gestão. Nos últimos dois anos, criamos diversas oportunidades de inclusão, com a perspectiva de garantir o empoderamento de pessoas com deficiência. Nossa convicção é de que não existe barreira que impeça alguém de alcançar objetivos”, ressaltou.

Marília de Mendonça não escondeu a empolgação como seu primeiro emprego, principalmente por ser numa área com a qual se identifica. “É um novo desafio. Já atuei nas áreas de direitos humanos, com crianças e adolescentes, e com a saúde. Agora, na Prefeitura do Jaboatão, vou ter a oportunidade de trabalhar para garantir que as políticas públicas voltadas às pessoas com deficiência avancem ainda mais”, assegurou a coordenadora.

Apesar da deficiência visual, Marília disse que sempre procurou vencer as dificuldades. Não focou apenas nos estudos, mas, também, escolheu a música para passar sua mensagem a outras pessoas que também têm deficiência. Já gravou CDs e um DVD, com o objetivo de arrecadar recursos para entidades beneficentes, principalmente as que atuam com crianças com câncer.

Fonte: Imprensa Prefeitura de Jaboatão

Foto: Divulgação