Por : Margarida Figueiredo

  A prostituição infantil é  um dos temas mais constrangedores  para o Brasil    e a sociedade brasileira. O enfrentamento deste grande problema  ainda é muito difícil pois há uma realidade para muitas crianças, principalmente as meninas. Segundo  dados de 2010, cerca de 250 mil crianças  estão  prostituição no Brasil isso  acontece  principalmente nas Regiões mais pobres do Brasil.

A prostituição é uma forma de exploração sexual de uma criança, são vários os fatores que levam a prostituição infantil, como a situação de pobreza, a falta de assistência social e psicológica, os pontos que facilitam  esta condição, onde a infância   é completamente destruída, outra questão importante é  o combate ao turismo sexual que consiste na chegada de  vários estrangeiros a Regiões como o Norte e Nordeste do Brasil, onde esses estrangeiros vêm em busca de sexo.
 
Meninas pobres que vivem nas periferias dos grandes centros São as principais vítimas. Infelizmente a prostituição infantil ainda faz parte  da realidade brasileira. Em resumo cabe ao Estado zelar  pelo bem – estar  da criança e do adolescente, especialmente aqueles que se encontram em situação de  vunerabilidade social principalmente  as meninas que são vistas como  objetos. É importante ressaltar o papel do Estado e da sociedade no combate a prostituição infantil.