Meira tem conversado com a comissão de transição em Brasília.

Diferente do que foi divulgado em alguns veículos, o Coronel Meira, que foi candidato a Deputado Federal por Pernambuco, negou que tenha recebido indicação para assumir  qualquer cargo no novo governo do presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL)

“No que tange a indicação do Coronel Meira para presidência da Codevasf, são apenas especulação, isto não foi tratado em Brasília”, diz a nota enviada ao Portal.

O nome do Coronel, foi vinculado ao da Codevasf, por alguns blogs.

Nota na íntegra

“A presença do Coronel Meira com lideranças políticas do Nordeste, na comissão de transição em Brasília, foi para tratar de temas de ordem política do novo Governo. O Coronel Meira tem conversado com a equipe de transição, tendo em vista o futuro político do estado de Pernambuco e da região Nordeste, considerando que sua pré-candidatura ao Governo do Estado, foi sob orientação do próprio Jair Bolsonaro.

O Coronel Meira juntamente com várias lideranças da direita, estão articulando a criação de um Seminário da Direita do Nordeste, para um dos primeiros meses de 2019. O propósito deste evento é discutir a participação efetiva dos verdadeiros líderes da direita no Nordeste, que se empenharam principalmente na campanha de Jair Bolsonaro, para contribuir com a melhoria do nosso país. Diante das articulações já feitas e a anuência de todos que já foram contactados, esperasse um grande encontro da Direita do Nordeste.

No que tange a indicação do Coronel Meira para presidência da Codevasf, são apenas especulação, isto não foi tratado em Brasília. O Coronel Meira, se coloca à disposição do Governo para servir, conforme a orientação do próprio Presidente eleito.

 

Assessoria Comunicação Cel. Meira